viciado em internet

Sabotando-se, sem a ajuda de outrem

Pois é meus caros, eu sinto vergonha de mim mesmo. Eu praticamente abandonei meu cantinho na internet, esqueci-me totalmente dele em alguns dias, e nas vezes que surgia em minha mente a vaga lembrança de um certo blog e da obrigação para com ele, eu simplesmente postergava a tarefa de gerenciá-lo para depois. E depois. E depois.

Pior que isso é o fato de eu, novamente, ter sabotado meus próprios estudos. Eu fiquei enrolando e adiando cada coisa que tinha que fazer. Tive todos os recursos a minha disposição e não fiz uso decente deles.

Fiquei imaginando se eu realmente deveria escrever um post para determinar minha volta ao MedTrilha. Será que não seria mais “bonitinho” escrever um post normal (que já está quase pronto) e fingir que eu não passei décadas sem me dedicar a me expressar?

Mas é justamente isso que me falta, expressar o que eu tenho na mente, as minhas dificuldades e facilidades.

Por isso vou colocar algumas desculpas para algo que eu sei que é indesculpável, mas eu preciso tirar isso da minha mente.

  • Meu pai: Sim, o cara que mais quer me colocar numa universidade de medicina é um dos que mais dificulta isso. Por que? Depois que eu fiz o vestibular da UFGD ele simplesmente cismou que eu deveria parar de estudar. Vejam bem: eu, que quero entrar em medicina, querendo estudar mas não podendo. Isso fode (com o perdão da palavra) com tua motivação. O que ele queria é que ficasse apenas lendo o livro O Segredo e pensando positivamente, como se apenas o poder da minha mente fosse o suficiente para me colocar dentro do curso. A mais recente dele foi ter trazido outro livro esotérico, O Poder do Subconsciente, para eu ler. C4@#$#! Eu já tenho um monte de livros para estudar e ele me traz um que não vai ajudar em absolutamente nada? Pausa… Ainda assim, cada vez que ele passa alguns dias aqui eu me sinto muito mais motivado a estudar.
  • Estudar a noite numa faculdade enquanto estuda de tarde para entrar em uma universidade e estagia durante a manhã para ganhar algum dinheiro: Mocinhos e mocinhas, tenho que lhes avisar, isso definitivamente NÃO DÁ CERTO! É inviável. O estresse que o trabalho (atender e ter paciência com um monte de gente) e o curso superior (trabalhos chatos, matérias teóricas) me dão acabam por sugar boa parte da minha disposição em fazer outra coisa. Largar ambos o quanto antes deve resolver, mas e depois?
  • Vício em internet: Eu admito que perdi o controle em se tratando de uso da internet. A única coisa que eu faço em casa é ficar no computador. O tempo todo. Até de madrugada. Todos os dias. Isso está ferrando comigo e com meus estudos. Na última quarta eu simplesmente desabei de sono, dormi das 5 da tarde até as 7 da manhã do outro dia. Eu nunca durmo durante o dia, só mesmo um resfriado forte ou dias sem dormir conseguem me fazer deitar na cama enquanto o sol está no céu. O culpado disso tudo? O computador.

 

Essa confissão vai me ajudar? Na teoria sim, mas na prática só depende de mim. Vou começar limpando a casa e deixando tudo organizado para que eu possa estudar. Não é o melhor começo, mas já algum começo…